4 motivos para usar assinatura digital na medicina

4 motivos para usar assinatura digital na medicina

A área da medicina é uma das muitas que está passando por mudanças drásticas em relação à digitalização. Antes de mais nada, a pandemia do Covid-19 trouxe uma nova realidade para o mundo todo, principalmente para os profissionais do setor da saúde. Esses novos hábitos tiveram que ser abraçados em um curto espaço de tempo; todos precisaram se adaptar ao “novo normal”, que transformou nossas vidas para sempre.

A telemedicina acabou se tornando uma prática comum e, com a necessidade do distanciamento social, as consultas online ficaram ainda mais recorrentes. Com isso, pacientes e profissionais tiveram que lidar com uma série de transformações na rotina. Como por exemplo entender como funciona uma receita médica digital, se adaptar aos meios tecnológicos, usar assinatura digital (no caso dos médicos), comprar medicamentos via delivery, lidar com atestados à distância, entre outras mudanças. 

Enfim, não tem como falar sobre transformação digital na medicina sem mencionar a pandemia do Covid-19, né? Segundo dados do Serasa Experian, no setor privado, os 15 grupos de operadoras que integram a Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde) realizaram 1,6 milhão de teleconsultas desde março de 2020. Segundo a entidade, em 90% dos casos, a modalidade à distância conseguiu resolver o problema dos pacientes. 

Em suma, esses dados nos mostram que a prática da telemedicina está em constante crescimento e aderência. Falando nisso, você sabia que o uso da assinatura digital para médicos também cresceu muito por causa da pandemia? A tecnologia traz diversos benefícios para a prática médica. 

Neste artigo, você vai conhecer 4 motivos para usar assinatura digital na medicina. Confira!

assinatura digital na medicina 2

Atuar na telemedicina

Um dos principais motivos para usar assinatura digital na medicina é que, com ela, o médico pode atender à distância. De acordo com a Lei 13.989/2020, que dispõe sobre a prática da telemedicina, o profissional deverá assinar receitas e atestados por meio da assinatura digital com o certificado digital da ICP-Brasil, pois este é o único meio que garante autenticidade e validade jurídica no meio virtual. 

Caso o médico venha a utilizar uma receita digitalizada, sem o uso do certificado digital, isso não traz garantia ao documento e inviabiliza a compra do medicamento em farmácias, por exemplo. 

Leia também: Assinatura eletrônica e assinatura digitalizada: qual a diferença?

Além disso, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) é favorável ao uso de assinatura digital em receituários e atestados médicos, desde que estejam no padrão da ICP-Brasil.

Redução de custos

A assinatura digital na medicina também gera redução de custos para as empresas do setor de saúde que passam a utilizá-la. A economia vem em diversos sentidos: consumo e impressão de papéis (já que o processo passa a ser totalmente digital), não é necessário se preocupar mais com manutenção de impressoras, nem com o transporte de documentos e arquivamento, por exemplo. Com a redução de custos, é possível direcionar os investimentos para outras áreas do seu hospital, clínica ou laboratório. Afinal, encontrar meios de economizar é sempre uma boa ideia!

Mais agilidade

A assinatura digital na medicina também permite que os profissionais tenham mais agilidade em todos os processos: do atendimento ao arquivamento de documentos. Além dos médicos, os pacientes também saem ganhando: não precisam perder tempo se deslocando até o consultório, depois até a farmácia, por exemplo. Além disso, o fato da assinatura digital poder ser feita em minutos agiliza todas as etapas como um todo.

assinatura digital na medicina 1

Mais segurança

Você sabia que as assinaturas digitais são até mesmo mais seguras do que assinar um documento com papel e caneta? Essa tecnologia possui protocolos de alto nível de segurança, como a criptografia, que garante autenticidade e legitimidade aos documentos. Além disso, um documento eletrônico assinado digitalmente leva consigo um carimbo de data e hora (ou carimbo do tempo), que é um selo que atesta a data e hora exatas em que o documento foi assinado. Isso garante que o documento não sofrerá alterações, garantindo a veracidade das informações. 

Em um documento físico, por exemplo, não é possível ter essas informações que asseguram os dados inseridos, sendo passível de fraudes. 

Se quiser saber mais sobre a segurança da assinatura digital, BAIXE GRATUITAMENTE:

Em suma, adotar a assinatura digital na medicina traz inúmeras vantagens para a empresa da área da saúde: economia, credibilidade, automação de processos, sustentabilidade, agilidade, produtividade, entre outras.

Por fim, mais do que apenas assinar documentos digitalmente, também existe uma solução que poucas empresas do setor da saúde sabem da necessidade e importância: a gestão digital de documentos. Com esse método, o hospital, laboratório ou clínica consegue gerenciar todo o ciclo de vida dos documentos digitais: desde a criação até o armazenamento!

A Contraktor: plataforma de gestão digital de documentos

A Contraktor é uma empresa com foco na gestão digital de documentos e assinatura digital (com e sem certificado digital). Nós temos como principal objetivo a facilitação do fluxo de processos e a aceleração dos seus negócios. Além dos planos Professional (Business, Premium e Enterprise), a Contraktor também possui o Plano Starter, indicado para pequenas e médias empresas. Confira todas as opções e fale com a nossa equipe de vendas!